Inaugurada a unidade de Toledo do Centro de Especialidades do Paraná

Santos Aguia | 08:55 | 0 comentários

Foto: Pedro Ribas/ANPr
O governador Beto Richa inaugurou oficialmente nesta quinta-feira (24) o Centro de Especialidades do Paraná (CEP) de Toledo, que atende a população de 17 municípios do Oeste do Paraná. A unidade está em funcionamento há seis meses, oferta 30 especialidades e já é considerada modelo para o País na área de atenção especializada, devido ao novo conceito de atendimento. O modelo garante a oferta de todas as consultas e exames para o paciente em um único dia e em um único espaço. Hoje são atendidos de 300 a 500 pacientes por mês. 

“Sabemos da importância do Centro de Especialidades para que possamos prestar um atendimento mais humano e mais digno à população”, disse Beto Richa na solenidade, que teve a presença da secretária estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social, Fernanda Richa; do prefeito Beto Lunitti; do presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche; do diretor geral da Secretaria Estadual da Saúde, Sezifredo Paz, e do presidente do Consórcio Intermunicipal de Saúde Costa Oeste do Paraná (Ciscopar), prefeito de Palotina, Jucenir Stentzler. 

“Essa unidade de Toledo é a primeira a ser inaugurada. Existem outros centros em construção no Estado”, disse o governador. São elas as unidades de Guarapuava, Londrina, Ponta Grossa, Maringá, Apucarana e, já em fase final de obras, as unidades de Pato Branco, Francisco Beltrão e Cornélio Procópio. 

Segundo Sezifredo Paz, a unidade de Toledo oferta mais de trinta especialidades, entre as quais cardiologia, oftalmologia, psiquiatria, endocrinologia, fisioterapia, psicologia e nutrição. “A metolodologia de atendimento adotada aqui será modelo para outros Centros de Especialidades do Paraná”, disse ele. 

AMPLA ESTRUTURA - O investimento na construção do Centro de Especialidades do Paraná em Toledo foi de R$ 2,3 milhões, dos quais R$ 1,5 milhão do Governo do Estado, que, além disso, repassou R$ 800 mil para compra de equipamentos. Houve parceria com os municípios da região e o Governo Federal. 

O prefeito Beto Lunitti disse que o centro já está sendo utilizado pela população da região. “É fruto do esforço do município de Toledo junto com o Governo do Estado e recursos federais, e vem contribuir para melhores condições de saúde pública nessa região”, afirmou Lunitti. “O atendimento à saúde pública é algo importante para a população e nós precisamos melhorar”, afirmou ele. 

A unidade conta com uma ampla estrutura, planejada para dar mais conforto e segurança aos pacientes. Como muitos deles vêm de outras cidades da região, o Estado também incorporou cinco novos ônibus à frota de transporte sanitário dos municípios atendidos pelo CEP. 

MAIS AÇÕES – Na solenidade, o governador anunciou que acaba de autorizar R$ 10 milhões para equipamentos para o Hospital Regional de Toledo, que está em construção. Ele também mencionou outros importantes investimentos na área de saúde de Toledo, como no Hospital Bom Jesus, para o qual já foram destinados R$ 10 milhões e mais recursos para manter leitos de UTI, que deveriam ser bancados pelo governo federal. 

Em Toledo foi também implantado o Serviço Integrado de Saúde Mental do Paraná. Além disso, de 2011 para cá, foram destinados R$ 7,7 milhões para construção, reforma ou ampliação de 21 unidades da saúde na região, mais R$ 1,7 milhão para custeio destas unidades e 12 ambulâncias às prefeituras. “Investimentos como esses fazem com que o nosso governo seja o que mais faz pela saúde pública em toda a história do Paraná”, afirmou Richa. 

SANEAMENTO - O governador também destacou o investimento em saneamento em Toledo. A Sanepar investe R$ 12,8 milhões na construção da Estação de Tratamento de Esgoto Norte (ETE Norte). 

Richa também assinou autorização para licitação de obras de recape asfáltico em Boa Vista da Aparecida, no valor de R$ 959 mil. Os recursos são Sistema de Financiamento aos Municípios (SFM), do Governo do Estado. 

PRESENÇAS – Participaram da solenidade gerente da Sanepar em Toledo, Renato Bueno;, o deputado federal Dilceu Sperafico e o deputado estadual José Carlos Schiavinato. 

Box 1 

NOVA ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ESGOTO SERÁ A MAIS EFICIENTE DE TOLEDO 

O governador Beto Richa enfatizou as obras de saneamento em Toledo. Neste momento, a Sanepar constroi a Estação de Tratamento de Esgoto Norte (ETE), um investimento de R$ 12,8 milhões. A ETE Norte terá capacidade para a vazão de 80 litros de esgoto por segundo. A obra deverá ser concluídas até fevereiro 2016. 

Richa disse que a ETE Norte será a estação mais eficiente da cidade, substituindo algumas que apresentam problemas, e vai beneficiar toda a população de Toledo. 

Em Toledo, 100% da população é atendida pelo abastecimento de água da Sanepar. O índice de cobertura de coleta e tratamento de esgoto, que chega a 80,96%, é considerado excelente. Todo o esgoto coletado na cidade é tratado. 

“Atendemos as familias com água de qualidade, enquanto que em outros estados, falta água. Hoje trazemos para Toledo valorosos investimentos para coleta e tratamento de esgoto, o que garante mais saúde à população”, afirmou o presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche. 

Nos últimos cinco anos, a Sanepar investiu R$ 37 milhões no município – R$ 16,3 milhões em água e R$ 20,4 milhões em esgoto. Entre as obras, estão melhorias e ampliação das redes de distribuição de água, interligação dos poços 17 e 18, implantação de dois reservatórios, melhorias e implantação de leitos de secagem e duplicação do interceptor da ETE Paulista, a ampliação das redes coletoras e das ligações de esgoto e implantação do interceptor Sul. 

Box2 

ESTADO APOIA HOSPITAL BOM JESUS E GARANTE LEITOS DE UTI 

Desde 2011, o Governo do Estado já aplicou mais de R$ 10 milhões em recursos próprios no Hospital Bom Jesus de Toledo, com o objetivo de apoiar o aumento da oferta de serviços e melhorar a qualidade do atendimento. O Bom Jesus conta com 215 leitos gerais, pronto socorro, maternidade, centro cirúrgico e enfermarias. Cerca de 70% dessa estrutura é voltada para atendimentos pela rede pública de saúde. Ao todo, são 30 leitos de UTI disponíveis ao SUS, sendo 20 para atendimento adulto e 10 para recém-nascidos de risco ou prematuros. 

Apesar de estar em funcionamento, 14 desses leitos de UTI (10 adultos e 4 neonatais), ainda não foram habilitados pelo Ministério da Saúde e, consequentemente, não recebem recursos do governo federal. A falta do repasse gera um déficit mensal de R$ 200 mil ao mês. O Governo do Estado paga esses leitos para manter funcionando. 

Além disso, são repassados mais R$ 250 mil mensais pelo programa estadual de apoio ao hospitais públicos e filantrópicos do Paraná (Hospsus) e R$ 185 mil mensais de um novo convênio destinado à compra de insumos e medicamentos. 



Category: , ,

About GalleryBloggerTemplates.com:
GalleryBloggerTemplates.com is Free Blogger Templates Gallery. We provide Blogger templates for free. You can find about tutorials, blogger hacks, SEO optimization, tips and tricks here!

0 comentários