Presidente confirma agressão de Lisca: “Houve falta de respeito com o Paraná”

Santos Aguia | 04:48 | 0 comentários

Felipe Dalke/Banda B
O presidente do Paraná, Leonardo Oliveira, antecipou o esclarecimento sobre a demissão do técnico Lisca horas antes da partida da semifinal da Primeira Liga contra o Atlético-MG. De acordo com o mandatário paranista, houve uma agressão física do agora ex-treinador com um membro da comissão técnica permanente e também “falta de respeito” com o clube.

“Nós decidimos nos pronunciar agora porque estão surgindo diversas versões para o fato e queremos esclarecer. Qualquer tipo de relação se encerra quando acaba o respeito. Tivemos um caso de falta de respeito a instituição e isso não será tolerado por qualquer pessoa que faça. Os fatos e detalhes não cabem trazer porque só expõe a imagem do Paraná. É uma página virada e tomamos a melhor decisão pensando no bem do Paraná”, declarou o presidente paranista.

Conforme apurado pela Banda B instantes depois da oficialização da demissão de Lisca, o comandante estava insatisfeito com a falta de treinamentos entre as partidas do Flamengo e Atlético-MG e foi cobrar os outros profissionais da comissão técnica. A conversa teve um tom mais forte e terminou em agressão ao auxiliar Matheus Costa. “Não foi apenas um fato. Foi um dia muito ruim e houve uma falta de respeito tremenda com o Paraná Clube. Isso expôs o clube e foi visto por todos os jogadores e a comissão técnica”, disse Oliveira.

“É o que menos importa. Chegou a acontecer agressão e isso que resume o fato. Não temos que expor o Paraná aos detalhes e isso só vai prejudicar o planejamento que iniciou lá no começo do ano. Treinador, que passou e foi demitido, teve sua contribuição, mas não dá o direito de fazer o que quer”, complementou o dirigente.

Já o executivo de futebol, Rodrigo Pastana, responsável pela indicação de Lisca ao Tricolor, admitiu surpresa com a atitude do técnico e não via mais clima da permanência após a agressão. “O que me causa bastante estranheza foi a consequência disso com questionamentos infundados e estourou com uma agressão a membro da comissão técnica por volta das 19h15. Não tem mais volta quando se perde o respeito e fica difícil restabelecer essa união”, falou.

“Fui eu quem indiquei o profissional ao Paraná e tinha maior conhecimento sobre ele. Para mim, na verdade, a ficha não caía porque estava resolvendo problemas do clube em São Paulo. O presidente me ligou logo pela manhã por conta dessa falta de respeito e teve questionamentos que não deveria ter tido naquele momento. Tivemos que arrumar a logística com limitações de voos, treinamentos e tudo que acontece quando tem jogo definido de um dia para o outro”, acrescentou Pastana.
A diretoria paranista agora trabalha para a sequência da Série B e o presidente acredita que a comissão técnica permanente é a grande responsável pelo sucesso da equipe na temporada. “Nossa comissão permanente é quem está trazendo esse resultado para nós. Passaram três treinadores, os resultados continuam com a mesma eficácia e a oscilação não foi pela mudança de comissão técnica. Vamos administrar da melhor forma possível e o ambiente que temos não pode ser jogado fora”, explicou.
Lisca explica o seu lado da história
A Banda B entrou em contato com o técnico Lisca que se pronunciou pela primeira vez sobre o assunto, negou qualquer agressão e revelou que o motivo do desentendimento foi que o auxiliar Mateus Costa teria comandando um treinamento sem o seu consentimento. “Venho a público esclarecer que jamais agredi o auxiliar Mateus Costa. O que ocorreu foi um desrespeito profissional pois estava ministrando um treinamento com o grupo de jogadores na véspera da partida contra o Atlético Mineiro sem conhecimento”, relatou.

Fonte: 


Category: , ,

About GalleryBloggerTemplates.com:
GalleryBloggerTemplates.com is Free Blogger Templates Gallery. We provide Blogger templates for free. You can find about tutorials, blogger hacks, SEO optimization, tips and tricks here!

0 comentários